Lendo Frases

Não Se Apega, Não (Frases)

Olá queridos leitores! Com certeza todos nos mortais pelo menos uma vez na vida, já precisou, praticar a lei do desapego, não é mesmo? Desapegou de coisas. E principalmente de pessoas. E algumas vezes as pessoas também desapegam de nós. Esta  em qualquer lado desta moeda não é fácil. Por isso o “NÃO SE APEGA, NÃO” está fazendo um mega sucesso. “NÃO SE APEGA, NÃO”. é um livro da  autora Isabela Freitas. Ficção e vida real se mistura neste livro. Com um papo leve e divertido, este livro, é, para quem quer umas dicas de como desapegar. Desapegar é difícil, mas as vezes se faz necessário. Boa leitura!
* Não é porque sorriem, se beijam e andam de mãos dadas
que são felizes. Aliás, eu sou da seguinte opinião: afeto não precisa ser demonstrado em
excesso. Todas as pessoas que querem mostrar demais que estão inabalavelmente felizes,
aos meus olhos, são as mais miseráveis. São aquelas que tentam se convencer da própria

felicidade. Como se dizer a si mesmo “eu sou muito feliz” fosse mudar alguma coisa.

*Dar fim a etapas não é necessariamente um sinal de fracasso.
Minha ideia é que é preciso comemorar o que foi positivo e seguir de cabeça erguida para a
próxima. Numa boa.
* Mulheres nascem sabendo amar — criaturas tão frágeis e inocentes. Elas têm aquela
pureza no olhar, aquele brilho que ilumina qualquer escuridão. O coração das mulheres
nasce de portas abertas e com um tapete de boas-vindas. Elas crescem escutando histórias
sobre príncipes e princesas, gostam de rosa e acham que o amor é a causa e a solução de
todos os problemas.
* A verdade é que mulheres vivem em um conto de fadas que não existe. Que
nunca existiu. Que está ultrapassado e fora de moda. Ah, me esqueci de dizer que as
mulheres tendem a ter uma fé inabalável. Acreditam até o fim, e se o fim chega por que não
começar de novo? E elas acreditam, sonham e se agarram a esperanças, até o momento em
que ele aparece.
* O “amor” pode ser perigoso se ingerido em doses altas. E, quando acaba o estoque, pode
ser fatal.
* Só mais cinco minutinhos. Você consegue, menina.
Mais alguns passos. Na segurança da sua cama e no abraço caloroso do seu travesseiro,
as lágrimas podem cair — e que caiam o tempo necessário para que o expulsem de seu
corpo. O que é engraçado é que você não está chorando porque ele se foi. Chora porque sua
inocência e sua pureza foram tiradas à força. Aquela menina que acreditava em contos de
fadas e sonhava com um amor para sempre desaparece. Ela aprende a dar ponto nas feridas
abertas e esperar que elas se tornem apenas cicatrizes. Aprende a reconstruir um coração
partido e isso, talvez, seja a maior lição de sua vida.
* Cair menina, se reerguer mulher.
E isso só o amor que machuca pode fazer por você. Se já passou por isso, parabéns por
essa conquista. Se ainda não viveu nada disso, prepare-se. É necessário.
* Ele é a nossa busca infinita, objetivo e sonho. É o amor. Da forma mais pura que pode
existir. Amor dado de coração e alma. Amor que não se pede de volta, amor que é entregue.
Eu ainda não achei, e você provavelmente também não. Só que ele chega, ah, chega sim. A
hora preferida do amor é não ter hora alguma. Ele não tem compromisso, pode se atrasar
ou se adiantar muito. Depende das escolhas que fizermos e dos caminhos que tomarmos. E
quer saber? Não tenho pressa alguma de encontrá-lo. Cansei de procurar amor em cada
esquina, em cada olhar, em cada pessoa que passa pela minha vida.
*Passamos a nossa vida esperando que as pessoas ajam conforme o esperado. E isso cansa, sabia? Não digo só
no quesito amor, mas também em relação às amizades. Quem nunca teve um amigo que o
decepcionou da pior forma possível? Eu tive alguns.
* O amor é, sim, a causa e a solução de todos os problemas.
Mas, durante boa parte de nossa vida, só nos traz problemas, problemas que parecem
impossíveis de serem solucionados, problemas que nos deixam de cabelo em pé e com
vontade de gritar tão alto a ponto de fazer explodir o mundo. O amor cria obstáculos,
buracos e armadilhas por todo o caminho.
* A vida de todos nós é uma batalha incansável contra a solidão.
Porque solidão não é estar solteiro, é se sentir deslocado, mesmo acompanhado. Solidão é
viver um amor que não existe mais. É se agarrar ao passado que já evaporou.
E, para deixar isso tudo para trás, você precisa saber mais sobre desapego.
*Desapego não é sair todos os dias, frequentar todas as baladas da cidade, ficar com todos os garotos que
aparecem na frente e, em seguida, dizer: “Pego e não me apego”. Aliás, amaldiçoo
mentalmente todos os dias a pessoa que criou essa frase. Pega e não se apega? Isso é
justificativa pra vulgaridade, desculpe-me.
*O desapego é saber se desprender de tudo aquilo que te retém, faz mal e sufoca. O desapego é sempre um
desafio pra mim, aliás, acredito que pra todos.
* A propósito, conselhos sempre parecem mais fáceis quando dados a outra pessoa. Digo
isso por experiência própria. Eu, que sempre tenho um conselho na ponta da língua, me
vejo em apuros quando preciso aplicá-los na minha vida. Acontece.
*A psicologia explica: tudo o que você espera
que o outro faça por você quando está em um relacionamento é exatamente o que você não
faz por si mesmo. É como se você jogasse a sua felicidade no colo do outro e dissesse:
“Toma, agora você é o responsável por ela. Me faça feliz”. E é aí que está todo o problema.
Você deve primeiro aprender a ter êxito satisfazendo as suas necessidades para depois se
relacionar com alguém. Só é feliz a dois quem já é feliz sozinho.
* Eu sou frágil. Muito
frágil. E eu só queria que minha vida fosse um pouquinho como nos filmes, para que eu não
precisasse me quebrar em mil pedacinhos e ter um trabalhão para construir tudo de novo.
Frases selecionadas por Bia Oliveira
Anúncios